Posts

Case Stoller

A STOLLER é uma multinacional criada em 1970 por Jerry Stoller, com sede em Houston e filiais nos 04 continentes, e tem a missão de proporcionar aos agricultores a possibilidade de aproveitar ao máximo o potencial genético de suas plantas.


Líder mundial em nutrição com foco na fisiologia vegetal e em soluções biológicas, a empresa desenvolve soluções que ampliam o equilíbrio hormonal das plantas, tornando-as mais resistentes ao estresse e fortes durante todo o seu ciclo de vida. 

Sua missão é: Transformar conhecimento em inovação para a agricultura, com foco nos clientes, gerando valor a todos os envolvidos.

Além desses benefícios, é fundamental destacar que um dos pilares da atuação da STOLLER é: a valorização do elemento humano e dos relacionamentos, investindo constantemente no estabelecimento de parcerias sólidas e duradouras com seus clientes e fornecedores.

Os sinais da necessidade de mudança

Em 2015 a mudança de direção da empresa no Brasil, o contexto de profissionalização e mudança de processos e estilo de liderança. Esse novo modelo de gestão com foco em profissionalização, busca de resultados e início de um processo de inovação, culmina em 2018 quando do Planejamento Estratégico surge o tema Cultura como resposta e adaptação da organização e uma escolha de gerar um movimento de mudança interna e posicionamento frente ao mercado. 

E foi com a demanda de provocar reflexões no time de Direção e Liderança acerca das escolhas que a empresa vinha fazendo e iria fazer nos próximos anos, que nasceu o Projeto Cultura.

Apesar das dificuldades e divergências havia também uma consciência de que não havia um outro caminho e que mudar seria preciso.

Jornada da mudança

O Projeto Cultura teve a seguinte jornada:

  1. Workshop com todas as lideranças, aproximadamente 45 pessoas distribuídos em 03 grupos (Diretores, Gerentes e Coordenadores) refletindo sobre o cenário atual e futuro do agronegócio, contexto de mercado e as transformações dos negócios e o mapa da Cultura Atual e Desejada

 

  1. Consenso do Movimento da Cultura e o compartilhamento dessa escolha com todos os colaboradores e com os clientes.

 

  1. Criação de um Guia de Cultura com comportamentos de liderança bem definidos e o que era preciso acontecer para o movimento da Cultura – plano de ações, mudança de artefatos e direcionadores da transformação.

Alguns elementos foram decisivos para a transformação:

  • Sentido de urgência e a despersonalização da mudança
  • Identificação de aliados e influenciadores da mudança
  • Convergência e alinhamento dos comportamentos da liderança 
  • Mudança da sede com criação de espaços alinhados com a cultura desejada – mais inovação, integração e colaboração

 

“Os desafios das organizações para seguirem crescendo em um mudo que muda em velocidade espantosa é cada vez maior. Trabalhar uma cultura de inovação, que tenha as pessoas em primeiro plano e com forte propósito se fez fundamental para a sustentabilidade da organização. O trabalho em parceria com a Ornellas Consultoria foi fundamental na preparação da liderança para definição e construção desta nova cultura.”

Rodrigo Oliveira – atualmente Chief Operating Officer da Stoller Group

 

“O trabalho da Ornellas Consultoria foi fundamental para o sucesso do movimento de adaptação da nossa cultura organizacional, oferecendo conhecimento e conteúdo de alto nível sobre o tema, promovendo reflexões maduras, discussões altamente produtivas e um patamar de consciência e engajamento das pessoas que já reflete em resultados e desempenho superiores.”

Tiago Gontijo – atualmente Regional Vice Presidente LATAM da Stoller Group

 

“Ter o apoio da Ornellas Consultoria foi fundamental para conduzirmos um trabalho de adaptação de cultura organizacional de forma a nos preparar para os desafios do futuro, tendo como base práticas de gestão de pessoas, que tragam soluções de longo prazo para a organização.”

Luciana Provazi – HR Manager da Stoller do Brasil

 

https://www.ornellas.com.br/conversa-inspiradora/conversas-inspiradoras-034luciana-provazireflexao-e-evolucao-da-cultura-case-stoller/