Quem é o designer organizacional e como ele ajuda a transformar a gestão de RH

As empresas estão atravessando um período de profundas transformações, principalmente no que tange a gestão de RH, com suas práticas e objetivos.

A falência da governança atual com suas hierarquias fixas é evidente, já que suas práticas não conseguem mais atender às necessidades corporativas atuais, que lida com novos perfis de funcionários e um outro modelo administrativo.

As práticas de gestão de RH que encontramos nos dias de hoje demonstra-se ultrapassada e incapaz de fazer a ligação com a realidade de um futuro próximo.

Neste post vamos abordar o conceito de designer organizacional e como ele afeta essa gestão, ajudando as empresas a alinharem sua abordagem em relação aos funcionários com os conceitos e anseios atuais.

Quem é o designer organizacional?

Partindo do conceito de Design Thinking, o designer organizacional combina aspectos de consultor e coach com o propósito de promover aprendizados, ampliar as competências organizacionais e gerar soluções para que a empresa alcance seus objetivos.

LEIA TAMBÉM:  Colaborar em rede: um caminho estruturado para a inovação

Dentro dessa abordagem, o profissional adquire um posicionamento diante do presente e futuro da empresa. Com isso, o executivo de RH não precisa temer um futuro incerto, já que tem em suas mãos as ferramentas necessárias para traçar estratégias preventivas e que visem a inovação, crescimento e fortalecimento da empresa.

O designer organizacional tem como sua principal preocupação a valorização dos talentos dentro da empresa, entendido como protagonista e não como mera mão de obra ou objeto de meio de produção. O designer leva em consideração as experiências dos profissionais, aproveitando ainda os recursos tecnológicos disponíveis para viabilizar seu trabalho.

A partir das incertezas que surgem graças aos diversos problemas enfrentados pelas empresas, o designer organizacional consegue promover aprendizados e ampliar as competências corporativas, preparando os ambientes organizacionais para uma nova realidade baseada no coletivo.

Como o designer organizacional atua?

O designer organizacional se baseia em três conceitos principais, que partem do papel assumido a princípio pelo RH e faz a transição para o novo:

LEIA TAMBÉM:  RH como um Designer Organizacional II - Desafios da Área de Recursos Humanos

1.Desapegar

Há o desapego do trabalho tradicional de RH e do controle de documentos, assumindo a importância de dados que atualmente são subaproveitados e aplicando essas informações para a tomada de decisões e o aprendizado.

  1. Doar

Doar o protagonismo ao indivíduo, que assume a responsabilidade e tem autonomia para conduzir os processos relacionados ao seu trabalho, abrindo possibilidades de aprendizagem para que essa execução tenha mais qualidade.

  1. Descobrir

Explorar cenários e construir planejamento com foco nas pessoas, usando suas experiências para criar projetos com propósito, que façam sentido para os colaboradores e tenham coerência com a empresa.

A criação de soluções para os problemas conta com a empatia, colaboração e experimentação.

Como o designer organizacional muda a gestão de RH?

O designer organizacional assume um papel importante na conexão de propósitos do trabalho e na prática diária da visão e valores da empresa dentro dos relacionamentos entre funcionários e com stakeholders.

LEIA TAMBÉM:  De onde vem a inspiração para novas ideias

Essa postura provoca impactos poderosos no engajamento e retenção de funcionários, mudando totalmente a gestão de RH tradicional focada em produtividade e números para uma gestão contemporânea e voltada para o futuro, que valoriza o bem estar, o clima organizacional e a cultura da empresa.

As mudanças promovidas pelo designer organizacional também afetam a marca empregadora, que sofre mudanças positivas e possibilita a atração de talentos mais bem preparados e disputados pelo mercado.

Entender como o designer organizacional pode melhorar a gestão de RH e como isso impacta no alcance de metas da sua empresa pode revolucionar o relacionamento com os colaboradores e a cultura corporativa atual.

Aproveite para conhecer mais a fundo como é o trabalho desse profissional e como ele pode ajudar a trazer uma nova realidade com o livro DesigneRHs para um Novo Mundo, que pode ser adquirido neste link.